Comunicado genérico

Cruzeiro emite nota, que não fala nada com nada

Em 06/01/2022 10:32

Comunicado genérico

Após cometerem o crime de não renovar com Fábio, agindo com total desrespeito ao atleta e causando clamor popular na torcida que ameaça e já iniciou o cancelamento do sócio torcedor, o Cruzeiro emitiu um comunicado, genérico, sem falar nada com nada, sobre o porquê de não renovar com Fábio.

Da mesma forma covarde que conduziu a negociação, vem a público, através de nota, sem ter alguém para por a cara a tapa, como meio de explicação de tamanha falta de razão e sentido em abrir mão, de forma ridícula, do maior jogador da história do clube, ainda em perfeitas condições de render em campo.

É compreensível que um ciclo se feche, mas diante de circunstâncias. A ideia que a torcida continua tendo é que Fábio foi enxotado do clube como um qualquer.

Não à toa, protestos estão sendo marcados, tanto neste quinta-feira como amanhã (sexta-feira). 

Confira, abaixo, o comunicado sem sentido publicado na manhã desta quinta-feira, no site do clube:

"O Cruzeiro esclarece à sua torcida pontos importantes sobre a não renovação do goleiro Fábio. É fundamental lembrarmos que o Cruzeiro tem um desafio imenso de reorganização que precisa ser planejada e executada considerando a sobrevivência da entidade. Nesse sentido, a reestruturação precisa ocorrer em diversos campos: financeiro, organizacional, administrativo e, claro, esportivo. Muitas decisões não são populares mas precisam ser adotadas.

O projeto esportivo que vem sendo implantado considera critérios técnicos e a constituição de um plano de longo prazo para a instituição. As decisões no Departamento de Futebol visam a construção de uma equipe competitiva, sustentável e que esteja a altura da grandeza do clube. Foi exatamente um projeto nessas condições que foi apresentado ao goleiro de 41 anos, que o negou.

A proposta respeitava também a imprescindível responsabilidade econômica da entidade. Necessário ressaltar que, ainda assim, sendo Fábio o ídolo que é, um importante sacrifício econômico foi feito. Foi oferecido ao jogador um contrato que certamente extrapolava o razoável para um clube publicamente deficitário. Os termos desta proposta não foram aceitos pelo atleta e seu agente.

O Cruzeiro, desde o início e com enorme respeito, deixou claro que a proposta  respeitava sua relevância e admirável história de 18 anos no clube. Fundamental esclarecer que o desejo do Cruzeiro era de ampliação de vínculo, embora não pelo mesmo prazo desejado pelo atleta. A proposta era de que Fábio pudesse, em campo, ao longo do Campeonato Mineiro, se despedir da torcida como ele e a própria torcida merecem. Inclusive, o Cruzeiro segue aberto para que inúmeras homenagens extracampo aconteçam.

Não é mais possível aceitar um perfil de administração que fez tantos clubes chegarem a um cenário de inviabilidade. O Cruzeiro tem clareza de que não há outra forma de manter a história de um dos maiores clubes de futebol do mundo que não seja com uma gestão responsável, com colaboradores e atletas que estejam plenamente alinhados a esse pensamento"

VEJA AINDA: FÁBIO, UM GIGANTE.

VEJA TAMBÉM: FÁBIO DEIXA O CRUZEIRO



Últimas Notícias




História

Títulos

Ídolos Celestes

Jogadores Clássicos

Torcida

Mantos Celestes

Clássicos

Cruzeirenses Ilustres

Estatísticas

Curiosidades

TV Nação

Humor

Cliques da Nação

Artistas Celestes

Gatas Celestes

Tabelas

Calendário de Jogos

Downloads