À espera de sossego

Cruzeiro terá tempo de por a casa em ordem e recuperar lesionados. Terá ainda que resolver pendências

Em 15/06/2019 19:44

À espera de sossego

O Cruzeiro terá um mês para tirar a zica e voltar a jogar futebol.

Ainda que com um rebuliço fora das quatro linhas por conta de um pedido do presidente do Conselho Deliberativo para afastamento dos envolvidos em denúncias, o clube terá que se reinventar no segundo semestre para não fazer ainda mais feio.

Vários são os atletas entregues ao departamento médico.

Diante do Fortaleza, boa parte não foi por questões médicas ou clínicas.

O Cruzeiro não teve cinco jogadores, a maioria com status de titular

Egídio (dengue), Edilson (recuperando-se de edema na panturrilha direita), Lucas Silva (dor muscular na coxa esquerda), Rodriguinho (dor lombar) e Fred (edema na coxa direita) ficaram de fora.

O tempo de pausa será benéfico para todos voltarem 100%.

A dúvida é Lucas Silva.

O jogador tem contrato até o fim desse mês e o Cruzeiro espera resposta para a próxima terça-feira sobre a permanência dele.

E voltando, o futebol tem que vir junto.

Julho não será fácil.

Teremos decisões na Copa do Brasil e Libertadores, além de jogos importantes pelo Brasileirão.

Serão sete jogos.

Uma maratona após longa pausa.

Cruzeiro x Atlético-MG - dia 10, no Mineirão. pelas quartas de final da Copa do Brasil

Cruzeiro x Botafogo - dia 14, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Mineirão

Atlético-MG x Cruzeiro - dia 17, pelas quartas de final da Copa do Brasil

Bahia x Cruzeiro - dia 21, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Fonte Nova

River Plate x Cruzeiro - dia 23, pelas oitavas da Libertadores, no Monumental de Nuñez

Cruzeiro x Athletico-PR - dia 28, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Mineirão

Cruzeiro x River Plate - dia 30, pelas oitavas da Libertadores, no Mineirão

Está bom ou quer mais?

Para ter sossego, terá que ter muito, mas muito futebol.

Avante, Cruzeiro!

 

Por: Raposo Sensato



Últimas Notícias