Discurso motivador

Rogério Ceni chega e já fala em final da Copa do Brasil

Em 13/08/2019 13:50

Discurso motivador

O técnico Rogério Ceni desembarcou em Confins e, rapidamente, conversou com os jornalistas que ali o esperavam. O novo técnico do Cruzeiro falou do clube, dos atletas e do momento celeste.

Ceni disse que vai buscar implantar sua filosofia, que é bem diferente da de Mano Menezes. "Eu tenho uma característcica. Queremos um time mais rápido e mais agressivo. Vamos lutar contra o tempo. Três emanas para uma Copa do Brasil, temos um líder do Campeonato pela frente. Eu partuicularmente vou fazer o meu máximo para que os resultados aconteçam em campo", disse. Contrapondo a alguns que ali estavam, atleticanos confessos, ele não disparou contra o antigo treinador, Mano Menezes. Aliás, educado e sincero, Rogério elogiou o ex-técnico do clube. "Um treinador que ganha quatro títulos em três anos tem seu valor. Ninguém ganha se não tem qualidades. Em 2017 fomos eliminados pelo Cruzeiro na Copa do Brasil e o Mano era o treinador naquela época. É um cara que ganhou tudo aqui e merece todo o respeito", falou.

Por óbvio, foi perguntado o porquê de deixar o Fortaleza e se era correto "abandonar o barco" no meio do caminho. Sem polemizar, Rogério disse que "o Fortaleza se tornou uma equipe vencedora e tenho um grande carinho. Ficar lá seria correto e vir para cá também é correto. O Cruzeiro é um time grande, vencedor". E foi além: disse que quer o Cruzeiro na final da Copa do Brasil: "Queremos ir à final da Copa do Brasil. É difícil mas não é impossível. E quando há possibilidades de título a gente não pode deixar escapar".

Sobre como vai guiar o Cruzeiro nessa reta final do ano, Rogério não titubeou. Para ele, o Cruzeiro tem qualidade suficiente para sair dessa situação e terminar bem o ano. "Torço para que o grupo tenha ímpeto. Já estive do outro lado e se eles acreditarem e tiverem o desejo de sair dessa situação, eles conseguem. Nós, técnicos, somos coadjuvantes e cabe aos atletas fazerem o melhor, entendendo aquilo que achamos que é o melhor. Chegamos num momento de baixa, o que não é normal no Cruzeiro, que é um time acostumado a vencer e vamos buscar sempre o melhor", finalizou.

Por: João Vitor Viana



Últimas Notícias