Federação que atrapalha

Cruzeiro emite nota lamentando posicionamento da FMF quanto ao futebol feminino

Em 15/08/2019 17:57

Federação que atrapalha

Em um momento em que o futebol feminino começa a ganhar espaço, a Federação Mineira de Futebol parece ir contra. Machismo? Desinteresse? Não se sabe. No entanto, os clubes que disputariam o Campeonato Mineiro em 2020 repudiaram por completo a postura da FNF em reunião na sede da instituição no último dia 14.

Segundo o Cruzeiro, oito equipe estiveram presentes à reunião e por causa da posição da Federação, desistiu de disputar o campeonato do ano que vem. O clube informou que todos se recusaram a disputar a competição por insatisfação.

Confira, abaixo, a nota publicada pelo Maior de Minas:

 

"O Cruzeiro Esporte Clube informa que, na tarde desta quarta-feira, foi realizada na Federação Mineira de Futebol a reunião do Conselho Técnico que determinaria as diretrizes para a disputa do Campeonato Mineiro de Futebol Feminino 2019, na qual estiveram presentes representantes de oito equipes.

No entanto, a exemplo dos demais clubes presentes, o Cruzeiro optou por desistir de disputar o torneio, uma vez que a FMF colocou em pauta uma imposição de cobrança de taxa de arbitragem e do quadro móvel da própria entidade aos times, que, insatisfeitos, recusaram a proposta.

O Clube lamenta a postura da FMF que, além de nunca ter exigido tais cobranças em edições anteriores da competição, esteja na contramão da própria Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e de diversas outras federações do país, em uma época em que o futebol feminino tem crescido no mundo todo, buscando por mais profissionalismo, investimentos e divulgação.

Cabe ressaltar que, em relação ao aspecto técnico, o Campeonato Mineiro Feminino dá ao time campeão o direito de disputar o Campeonato Brasileiro A2, competição a qual o Cruzeiro atualmente é finalista e briga pelo título, já com vaga assegurada na elite do futebol feminino brasileiro no próximo ano.

Por fim, o Cruzeiro informa que continuará dando total apoio à sua equipe de futebol feminino, uma das grandes sensações do Brasil nesta temporada, e que, juntamente com outros clubes e entidades, buscará soluções para que o calendário que seria ocupado pelos jogos do Campeonato Mineiro seja preenchido com outras atividades, como partidas amistosas e eventuais torneios, buscando sempre pelo crescimento da categoria no Brasil".



Últimas Notícias

Em 17/09/2019

Não sabe perder

Não sabe perder

Em 17/09/2019

Clamor popular

Clamor popular