Vida e pacto em jogo

Cruzeiro pega o Fluminense e precisa começar a pontuar, em busca de 25 pontos em 45

Em 09/10/2019 01:02

Vida e pacto em jogo

Se depender das falas do lateral-esquerdo Egidio, o Cruzeiro não passará a maior vergonha de sua história. Em entrevista aos jornalistas, o lateral de 33 anos afirmou, categoricamente, que o Cruzeiro não vai cair. Diferente de outras entrevistas de atletas do próprio Cruzeiro, pareceu algo sincero e, na situação que estamos, temos que nos apegar e crer que isso vai dar certo. O primeiro passo para sair dessa lama é vencer o Fluminense, adversário direto contra o rebaixamento, que abriu cinco pontos de nós, mas que poderemos diminuir para dois para, depois disso, buscar passá-los.

A nossa tarefa não é fácil. O Fluminense vem numa crescente, tem jogadores que podem decidir, mas temos que acreditar no nosso potencial. Assim como eles temos desfalques, mas estaremos em casa, teremos o apoio da China Azul, que poderá aproveitar a oferta de ingressos até o final do ano. Intenção do clube é trazer o torcedor perto. O Cruzeiro sabe que unido com sua torcida o clube é mais forte.

Egídio também acredita nisso. Aliás, ele vai além. Em suas palavras, o Cruzeiro vai para uma final. "É uma decisão. Estamos jogando, em casa, nossa vida no Brasileiro. O Cruzeiro sempre se mostrou forte em Série A, tanto é que tem quatro títulos. Então, nós vamos nos dedicar ao máximo. É decisão. Já mostramos, por diversas vezes ao longo dos anos, que o Cruzeiro é muito forte em decisões. Brigar lá em baixo também é muita responsabilidade. É a mesma (que brigar em cima), e pode ser até maior", disse. O jogador ainda afirmou que o time se fechou e as conversas de vestiário têm que ir para campo também: "Nós já nos comprometemos ali, nos fechamos sobre isso. De tantas glórias e conquistas que tivemos no Cruzeiro, nós não vamos deixar, de jeito nenhum, isso acontecer. O Cruzeiro nunca caiu, e não vai ser com a gente que vai cair. Tenho certeza disso. Não vamos deixar essa imagem do Cruzeiro, que resplandece, se apagar na Série A".

Sem vencer há seis jogos, o Cruzeiro precisa, urgentemente, de vencer para poder se aproximar dos adversários fora do Z-4. O Ceará é o mais próximo, com 23 pontos. O Fluminense tem 25. É o jogo da vida. Talvez o mais importante do ano e, quiçá, um dos mais importantes da história do clube. 

Por: João Vitor Viana



Últimas Notícias